Dos lábios das crianças e dos recém nascidos firmaste o teu nome como fortaleza, por causa dos teus adversários, para silenciar o inimigo que busca vingança. Salmo 8:2

O coração puro de uma criança é sensível a voz do Senhor Jesus.

Um dia desse, estávamos eu, Joshua e nossa filhinha conversando, deitados na cama felizes, sobre o dia que tivemos. A Anna, com 3 anos de idade, sabe que comigo ela fala em português, e com papai fala em inglês. Como estávamos juntos, essa conversa em particular estava acontecendo em inglês.

O Joshua começou a fazer perguntas a Anna e ela respondia com segurança. Fiquei observando intentamente.

Ele disse: “Anna, você sabia que Deus tem muitas promessas sobre você?”

Ela responde com muita certeza: “Yes (sim)!”

“Você sabia que há profecias sobre você?”, ele continua.

Ela com mais certeza ainda diz: “That’s right (isto é certo)!”

“Que profecia há sobre você?”, ele pergunta.

Anna responde: “Muslims, Church (muçulmanos, igreja)” Eu devo dizer que essa foi uma palavra que ela nunca havia falado e pronunciou perfeitamente.

O Joshua continua a conversa e perguntou: “Você sabe o que profecia?”

“Yes, the phone”, respondeu depois de um suspiro.

“Ah, sim, é como o telefone, sim. Deus manda uma mensagem”, o Joshua explica.

No meu lado da cama, eu estou abismada com a clareza de mente e seriedade da conversa. Então, quiz fazer a minha pergunta.

“Anna, Jesus fala com você?”, perguntei com expectativa.

“Yes!”, ela responde sem hesitação.

Ouvi uma voz dentro de mim: Pergunte o que Jesus fala para ela.

“Anna, o que Jesus fala para você?”

Sem nenhuma demora, falando como um adulto, ela olha para mim e diz: “He loves me (Ele me ama).”

Ah, Jesus estava ali na nossa conversa em família.

Mais uma vez, vi que nossas crianças, nossos filhos, podem ter experiências marcantes com Jesus, não importando a idade. Se tão somente eles forem ensinados, mostrados e motivados a buscar a Deus na pequenas coisas, eles são capazes de terem amizade com o Espírito Santo e já serem usados por Ele para benção de outros.

Como muitos de nós mergulhamos os nossos pequeninos naquilo que é fantasia, no mundo da imaginação, que muitas vezes leva ao engano, quando somos instruídos para meditar em tudo que é verdadeiro. Podemos não ver com os olhos da carne, mas sabemos que o que é real mesmo é Jesus. E eu preciso aproveitar toda e qualquer oportunidade para mostrar Jesus para minha filha, mesmo com só 3 aninhos.

Como vemos em Salmos, o que sai da boca dos pequeninos tem poder para afetar os inimigos de Deus.

Advertisements