“Ó Senhor, tu és o meu Deus; exaltar-te-ei, e louvarei o teu nome, porque fizeste maravilhas; os teus conselhos antigos são verdade e firmeza. ” Isaías 25:1

Ontem, meu esposo Joshua e eu celebramos nossos primeiros 2 anos de casados! Não tínhamos planejado nada, mas na última hora sentimos paz e alegria de sairmos e passarmos o dia juntos na cidade de San Diego, que fica quase 2 horas de onde moramos. E foi um dia muito gostoso. Tivemos tempo meditando no que o Senhor nos fez passar neste último ano de casamento, as muitas lutas e as maiores vitórias e agora na espera d@ noss@ primeir@ filh@. Podemos conversar muito sobre os possíveis nomes do baby, o que também continuará surpresa 🙂 .  Foi bem legal! Em todo tempo buscando e contando as muitas razões para estarmos gratos e não preocupados.

Também fomos ao parque Sea World, para ver o show da baleia Shamu, muito recomendado pelos meus pais, pois ano passado também passaram o aniversário de casamento deles no Sea World, mas na Flórida, onde existe o mesmo show da baleia.

E o Joshua fez o desejo do meu coração de ir ver este show. Queria muito ir, porque sabia que o tema do show era “Believe”. Para quem nunca viu, o show mostra muitas baleias fazendo truques e marabalismos e termina com a baleia principal Shamu se jogando na água, molhando o público. É incrível o quanto é sincronizado o movimento das baleias com a música emocionante e os treinadores. Mas o sentido de tudo, além de impressionar com a capacidade dessas criaturas tão inteligentes, é que era o sonho de um grupo de amantes desses animais poder treinar baleias assassinas e poder interagir com elas de bem perto num show. Eles acreditaram neste sonho e hoje usam isto como inspiração de que realmente tudo é possível ao que crer.

Infelizmente, em nenhum momento se fala no nome de Deus mas se pode ver o poder dEle nessa demonstração da Sua criação. Tanto as baleias são dotatas de abilidades fantásticas como os treinadores cheios de uma determinação e sabedoria para lidar com estes animais. E estes dons perfeitos não podem vir de outra fonte a não ser o Criador, Deus o Todo-Poderoso, o Pai das Luzes. Quando o meu pai Adilson assistiu este show pela primeira vez, ele disse que o tempo todo só queria glorificar a Deus!

“Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis; porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu.” Romanos 1:20-21

E isso me ensina, que eu, que tenho o privílegio de conhecer a Deus, não só pela Sua criação, mas pela Sua Palavra, não tenho desculpas para não glorificá-Lo, dar graças e não parar de crer. Se aqueles homens e mulheres puderam fazer proezas com aquelas baleias assassinas com seus talentos naturais, quanto mais posso eu alcançar e superar com o Espírito, naquEle que me fortalece, Cristo, o verbo, o que age e cria, o Rei Jesus que sentado no Trono está, reinando, cuidando e segurando até a minha vida!

Terminamos o dia no parque repartindo um super cachorro quente, que estava simplesmente delicioso, com relish, ketchup e mostarda! Passei o dia inteiro falando para o Joshua que queria comer um “hot dog” e não encontrava, até que na saída ele estava lá esperando por mim… mais uma vez o meu esposo tão prestativo e que me ama muito fazendo meus desejos de grávida!

Advertisements