Crianças têm a abilidade de fazer a maioria das pessoas sorrirem, com as suas gracinhas, seus carinhos, e seus sinais de inocência. Mas elas vão crescendo  e muitas começam ter um pouquinho de entendimento e já mostram as suas tendências de teimosia e até rebeldia. Um dia alguém perguntou ao meu pai Adilson o por que crianças também precisam de salvação do pecado. E ele disse: “Toda criança é nascida no pecado. É como uma árvore que dá fruto. É só dar tempo e deixar a criança crescer que você vai ver que ela não é tão inocente.”

Uma fase difícil para os pais é quando a criança começa a perguntar o por que de tudo que se pede ou comenta com ela. Você já viu uma criança assim? Eu muito cedo interrogava minha mãe sobre os assuntos mais de adultos possíveis, com somente 5 anos de idade. Graças a Deus que meus pais me entregaram ao Senhor e me corrigiram bastante!

Mas a criança questiona e argumenta pelo fato que ela é criança. Uma criança não tem a maturidade de um adulto. E assim, nós somos com Deus. Um sinal de nossa maturidade em Cristo é a nossa medida de argumentos e questionamentos direcionados a Deus e as autoridades que Ele deixou na terra, principalmente nossos líderes espirituais.

Em Atos 9, há descrição da ordem que Deus deu a Ananias para ir encontrar com Saulo.

v. 11-12 E disse-lhe o Senhor: Levanta-te, e vai à rua chamada Direita, e pergunta em casa de Judas por um homem de Tarso chamado Saulo; pois eis que ele está orando; e numa visão ele viu que entrava um homem chamado Ananias, e punha sobre ele a mão, para que tornasse a ver.

No próximo versículo, Ananias responde ao Senhor dizendo que já tinha ouvido falar desse homem que tinha feito muito mal para os santos e que tinha o poder de prender todos os que invocavam o nome de Jesus. E o Senhor diz a ele:

v. 14 Vai, porque este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome diante dos gentios, e dos reis e dos filhos de Israel.

E depois disso, a Bíblia diz que Ananias foi. Ele não só foi mas entrou na casa, impôs as mãos sobre Saulo para ser curado e ser cheio do Espírito Santo. Ananias simplesmente obedeceu. Deus falou e ele foi.  Ele não questionou se Deus estava certo ou tirou tempo para pensar. Não diz que ele chamou então toda a congregação para ir com ele para defendê-lo, em caso ele fosse preso e precisasse de ajuda. Ananias tinha toda razão para ter medo e negociar com Deus, porque sabia do histórico de Saulo. Mas como o verso 10 o chama de discípulo, Ananias sabia que não sabia tudo. Mostrando sua humildade, disse ao Senhor o que sabia mas logo obedeceu, sem por que’s ou outros julgamentos. O Senhor só teve que dizer que Saulo era seu escolhido e Ananias foi.

Como Abrãao que quando o Senhor pediu que sacrificasse seu filho, logo na manhã seguinte bem cedo, começou a viagem ao lugar onde Deus havia instruído, Deus procura gente assim para cumprir tarefas cruciais no Seu Reino.  O tempo está passando muito rápido e Deus vai usar pessoas que Ele pode contar sem muito questionamento, sem muito argumento. Deus sabia que podia contar com Ananias, pois Saulo dias depois já estava pregando nas sinagogas que Jesus é o Filho de Deus. Imagina se Ananias fosse consultar com os “irmãos da igreja” primeiro e saber a opinião deles e reclamar sobre essa ordem doída. Imagina se Ananias ficasse arrogante e dissesse: “Mas Deus, o Senhor escolheu Saulo? O Senhor sabe quem é Saulo? O maior perseguidor da igreja? Por que o Senhor não escolheu outro com menos defeito e mais popular para levar a mensagem aos gentios?” Deus não podia gastar tempo com um “Tomé” que tinha que ter prova de tudo, ou até com um “Pedro” que sempre tinha algo para dizer.

Na categoria de discípulo, uma pessoa sempre está sujeita as instruções do mestre e a submissão de sua autoridade. E a Bíblia não diz que Ananias era um apóstolo, mas um discípulo, o que diz muito sobre a postura desse homem privilegiado de curar e libertar o homem escolhido de Deus que escreveu a grande parte do Novo Testamento. Você acha que essa foi uma tarefa de alta relevância no Reino? Eu penso que sim.

Mas o que vejo hoje em muitos lugares é que as pessoas estão somente envelhecendo e não amadurecendo. Só estão ficando mais velhas e não se tornando filhos maduros de Deus, pois as reações ainda são de criança – questionamentos e argumentos.

Há tarefas importantíssimas a serem destribuídas á geração que vai preparar o caminho do Senhor. O cumprimento dessas tarefas mudará culturas, governos e a própria história da humanidade em um tempo muito curto. Não haverá tempo para muita coisa. Com quem Deus vai poder contar?

Há umas pessoas escondidas em lugares estratégicos que como soldados estão sendo treinadas a acatarem ordens em toda a terra. Com esses, que são capazes de simplesmente obedecer,  sem por que, sem julgar, sem argumentar, Deus poderá confiar tarefas que vão deixar marcas na história do Reino de Deus pela eternidade a fora. Estes são os submissos e humildes suficientes que não só sabem mas mostram que realmente Jesus Cristo é o Senhor sobre todas as coisas e eles são os sujeitos a Ele e as autoridades que Ele mesmo estabeleceu.

Quer ser escolhido para fazer algo importante no Reino? Você tem que ser capaz de simplesmente obedecer.

Advertisements